• Cultura, Arte e Criatividade
  • Intervenção Urbana

Mil Tsurus pela Paz

Reza a lenda japonesa que qualquer um que dobre mil tsurus de papel, terá o seu desejo concretizado pelos Deuses...

© Helder Berenguer

Acordo, ainda muito ensonado e um tanto ou quanto afónico. São 5h00 da manhã. Cedo para quem não está habituado, mas hoje havia trabalho a fazer.

Sigo o meu caminho normal, já me é mecânico depois de tantas vezes. Mas desta vez, levo um escadote às costas. É que hoje, dia 21 de setembro, é o Dia Internacional da Paz, e a Agora Aveiro tinha algo planeado: pendurar 1000 tsurus de papel na rua mais bonita de Aveiro, a Rua dos Mercadores, mesmo à frente da nossa sede. O resultado? Uma mistura de cores e formas que não passaram despercebidas a ninguém!

A ideia surgiu a partir da história de Sadako Sasaki, uma criança vítima de leucemia fruto da exposição à radiação causada pelos ataques a Hiroshima, no Japão. Sadako, nos seus último meses, dedicou-se a dobrar 1000 tsurus, em troca de um desejo, e nós, inspirados, também queremos pedir um.

Mas vamos com calma! Para dobrar tanto papel, teria de haver um bom plano, bastante papel colorido  e várias mãos trabalhadoras. Graças à Índigo Paper Lab, que nos ofereceu o papel de origami, pudemos enviar as centenas de folhas de papel colorido para os vários cantos do país (até para a Ilha da Madeira!) onde foram recebidas pelos nossos membros que prontamente aceitaram a missão de construir este projeto. Uma prova de que, mesmo isolados, não deixamos de fazer o nosso trabalho!

E hoje, Dia Internacional da Paz, o nosso desejo é que todos contribuam para esta causa. Que a plantem e a façam crescer nos outros. Que percebam que a mudança é possível, se todos trabalharmos para isso. Para que mais nenhuma criança tenha de morrer, para que mais ninguém tenha que sentir medo ou ser vítima duma guerra que não entende. A linha, imaginária, que separa a paz do seu antagonista, por vezes é tão fina como uma folha de papel.

Este projeto contou com o patrocínio da Índigo Paper Lab e o apoio da Câmara Municipal de Aveiro  e Instituto Português do Desporto e Juventude I.P..

Nuno Brízida

21-09-2020