• Inclusão e Sensibilização Social

Adota a vontade de agir!

Adaptarmo-nos nem sempre é fácil mas, por vezes, esse esforço traz as suas surpresas boas. Adiámos a nossa “Cãominhada”, mas a malta do “Projeto Au-Au” não baixou os braços!

© Helder Berenguer

Os nossos patudos ficaram desolados por saber que não iam ter o seu encontro anual de fofura e brincadeira. Ainda assim, comprometemo-nos a ajudá-los, a dar-lhes voz e representá-los. A nossa equipa não gosta de faltar à sua palavra, por isso avançou noutra frente para cumprir com o seu objetivo. 

Desafiámos a comunidade académica da Universidade de Aveiro a ajudar-nos a angariar alimentos e outros bens essenciais aos nossos amigos de quatro patas e a resposta foi bem satisfatória. Unidos os esforços conseguimos recolher e entregar quase 350 Kg de alimentos e bens necessários à AMA - Amigos do Abrigo Quintã do Loureiro

Como temos uma equipa a fervilhar para entrar em ação e só isto nos pareceu pouco, decidimos nos aventurar no mundo digital, com a 1ª edição das “Cãoversas Live”. Juntámo-nos à Dr. Catarina Augusto, veterinária do Consultório Veterinário Quinta da Amendoeira, em Castelo Branco, para um momento de partilha online com perguntas e respostas sobre os nossos patudos, pois para eles só o melhor é devido! E como a problemática, infelizmente, é recorrente, não se deixou de parte a temática do abandono animal.

O que seria de tantos de nós sem o apoio e amor incondicional dos nossos amigos de quatro patas? Estes são seres vivos dotados de vontade própria, receios, desejos e necessidades. Talvez a sua anatomia difira da nossa, mas o seu “espírito” não tanto assim. Não são seres inferiores, são a nossa família e eternos companheiros, ouvintes de longos discursos e quem não se importa de lamber a nossa ferida mais profunda.

Fica a promessa de que, mal os “portões” se abram, podem contar com uma invasão de fofura felpuda nos passadiços de Aveiro pois, mais que nunca, será necessário “Cãominhar”! 

Obrigada a todos os que se juntam ao nosso movimento de mudança, seja com a mais pequena ação ou pela partilha das nossas! “Cãofiamos” que a mudança é possível. 

O “Projeto Au-Au” contou com a parceria do Núcleo de Estudantes de Biologia. Teve ainda o apoio da Câmara Municipal de Aveiro e do IPDJ - Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P..

Liliana Macedo

22-11-2020