• Inclusão e Sensibilização Social
  • Erasmus+

Mapa Solidário de Aveiro

A que distância te encontras da oportunidade de criar mudança na tua cidade? Este mapa inclui as histórias de dez organizações e projetos que estão a mudar Aveiro.

© Helder Berenguer

E se fosse possível cartografar o tecido solidário de uma cidade? E se consultar distâncias num mapa despoletasse empatia? E se a escala, a razão entre a distância num mapa e a distância real, se relacionasse com o impacto que o voluntariado representa na vida de uma comunidade?

A motivação para a implementação deste projeto partiu da necessidade que identificámos de conectar pessoas com tempo livre, vontade de ajudar e instituições que precisam de reforçar o seu corpo solidário. Reconhecemos a dificuldade que potenciais voluntários podem sentir quando procuram como e onde ajudar e, por isso, decidimos disponibilizar-lhes um ponto de partida. Reconhecemos também a falta de visibilidade do terceiro setor e de plataformas de comunicação atualizadas e orientadas para incentivar a sociedade civil a voluntariar-se, doar bens específicos em falta nas instituições ou colmatar outras necessidades. 

Como nasceu o projeto?

Através do nosso trabalho na comunidade temos vindo a perceber que são muitas as organizações que têm dificuldade em dar a conhecer aquilo que fazem. Instituições, associações e outras entidades que dão resposta a todo o tipo de necessidades mas que, seja por falta de recursos financeiros ou humanos, ficam “abaixo do radar”. É importante dar visibilidade às causas nas quais as instituições trabalham, conhecer em maior detalhe os desafios que enfrentam no terreno e despertar a consciência da comunidade para os mesmos! Para ajudar a resolver este problema decidimos implementar o “Mapa Solidário de Aveiro”.

Cartografar a sociedade

Durante os últimos meses, os nossos voluntários contactaram diversas organizações da região para conhecer o trabalho que fazem e perceber as suas necessidades. Os cartógrafos responsáveis por este mapeamento decidiram ampliar o conceito da solidariedade além das respostas sociais e incluir também as instituições que se movem nas áreas da inclusão, inter-geracionalidade, multiculturalismo e sustentabilidade.

Deste projeto resultou um mapa no qual constam dez instituições que oferecem respostas e prestam serviços à comunidade em várias áreas. Inclui também a informação necessária para que os futuros voluntários se possam envolver e descobrir mais sobre o trabalho que estas realizam. 

Este mapa representa apenas o começo, um fósforo, do que pode vir a ser uma rede colaborativa e multidisciplinar entre instituições de solidariedade. Como pode o voluntariado fortalecer as pontes de comunicação entre as diferentes instituições? Como pode a partilha de boas práticas e problemas comuns fortalecer as respostas que o tecido solidário oferece à cidade?

Pessoas proativas, empresas locais, outras instituições... Qualquer pessoa, na realidade, pode encontrar aqui uma forma de estabelecer e fortalecer as suas redes. Podemos aproximar-nos enquanto comunidade para abraçar a solidariedade e promover uma cultura de colaboração. Estabelecer ligações entre as várias “ruas”, “recantos”, “relevos”, “estradas” e “artérias” do tecido solidário do nosso concelho. 

Nos próximos dias vamos publicar as várias partes do "Mapa Solidário de Aveiro" na página de Facebook do “I Love Aveiro”. Poderás também consultar o mapa através da página “I Love Aveiro” ou transferir a versão para impressão. Terás oportunidade de ouvir mais sobre 10 organizações locais que trabalham em diferentes campos, todas de alguma forma relacionadas com a solidariedade.

O “Mapa Solidário de Aveiro” foi financiado pelo programa Corpo Europeu de Solidariedade da Comissão Europeia.

Jéssica Jacinto

15-01-2021