O Plantar o Futuro 2019 já começou!

A Agora Aveiro está a preparar mais uma edição do “Plantar o Futuro” cujas árvores serão dadas aos novos alunos da Universidade de Aveiro na semana de acolhimento.

A equipa do “Plantar o Futuro” deslocou-se às estufas da Câmara Municipal de Estarreja, em Avanca, para preparar as árvores autóctones que serão entregues ao novos alunos da Universidade de Aveiro. Este ano contamos com novas espécies maioritariamente “ripícolas”, sendo elas o freixo, salgueiro-branco e choupo-Negro, que se juntam aos já “conhecidos”, carvalho-alvarinho e amieiro, entregues e plantados na edição anterior. 

Este ano as plantações serão na área circundante ao  Rio Vouga, por isso optámos por espécies ripícolas, que estão presentes em zonas de transição entre ecossistemas aquáticos e terrestres. Estas são particularmente importantes na medida em que limitam a proliferação de algas indesejáveis, impedem que os fertilizantes, pesticidas e outros poluentes contaminem a água e proporcionam abrigo e alimento para a fauna terrestre e aquática, promovendo assim o incremento da biodiversidade.

Como resultado do sucesso da edição do ano passado, este ano a equipa arregaçou as mangas mais cedo e, com o apoio da Associação Académica da Universidade de Aveiro, os nossos voluntários e membros do Núcleo de Estudantes de Biologia deslocaram-se até às Estufas da Casa Museu Egas-Moniz, em Avanca, para transplantar 2000 árvores para vasos. Também contámos com a presença do Núcleo de Cinema e Fotografia para registar estes momentos.  

Ao longo de duas semanas bastante produtivas, os voluntários dividiram-se em diferentes tarefas: inicialmente, preparou-se  a terra a ser utilizada na transplantação, onde foi feita a mistura de terra comum com substrato enriquecido, seguindo-se a transplantação das árvores, ou seja, a sua passagem das cuvetes para vasos utilizando a mistura anteriormente preparada e, por último, o transporte das mesmas para um local adequado, onde serão mantidas e regadas ao longo do verão até ao momento de entrega aos alunos.

Simultâneamente, encontramo-nos a preparar o booklet informativo que acompanhará as árvores. Para além de instruções sobre como manter as árvores cuidando delas da melhor forma, este terá informação acerca da Floresta Autóctone Portuguesa e de espécies invasoras.

Esta ação tem como principais objetivos a promoção da sustentabilidade dos ecossistemas florestais e a sensibilização para a importância e valor da Floresta Autóctone Portuguesa.

Para te manteres a par de todas as etapas do nosso projeto, acompanha o nosso Facebook.

Beatriz Ribeiro

15-07-2019